Postado em 05 de Agosto de 2018 às 20h22

VOCÊ TEM INDICAÇÃO DE CIRURGIA NA COLUNA CERVICAL

VOCÊ TEM INDICAÇÃO DE CIRURGIA NA COLUNA CERVICAL

Dr. Márcio Telesca – Especialista em Cirurgia de Coluna VOCÊ TEM INDICAÇÃO DE CIRURGIA NA COLUNA CERVICAL       Se você está pensando em cirurgia para dores no pescoço, uma de suas...

      Se você está pensando em cirurgia para dores no pescoço, uma de suas preocupações pode ser se o procedimento pode realmente melhorar seus sintomas ou se poderá haver piora.
      Cirurgia da coluna cervical tem altas taxas de sucesso. Nenhuma cirurgia, no entanto, está livre de algum risco.
      Como em qualquer cirurgia, uma das chaves para o sucesso é garantir que você seja um bom
candidato para o procedimento. Se o seu cirurgião for capaz de diagnosticar com precisão o problema, suas chances de sucesso são favoráveis e o risco de dor cervical persistente pode ser reduzido.
      Os objetivos da cirurgia da coluna cervical são corrigir a instabilidade e aliviar a compressão de um nervo que pode estar causando dor, formigamento, queimação ou até mesmo fraqueza. Muitas vezes, esses sintomas podem irradiar pelo ombro e ir até as mãos.
      As cirurgias mais comuns para aliviar a dor relacionada ao pescoço são discectomia cervical anterior com fusão (ARTRODESE) e a mais recente substituição artificial de disco (ARTROPLASTIA).


      Uma das primeiras coisas a fazer é questionar a si mesmo:

      Os sintomas de dor no pescoço reduzem muito a minha qualidade de vida?

      A dor no pescoço sozinha pode ser ruim, como quando a dor aguda reduz a amplitude de movimento da cabeça e interfere nas atividades diárias.
      No entanto, a cirurgia normalmente não é considerada, a menos que os sintomas piorem com a compressão da raiz do nervo cervical, causando dor, dormência e / ou fraqueza no braço e na mão ou compressão da medula espinhal causando problemas de coordenação, função da bexiga ou do intestino ou andando.

      O cirurgião identificou um problema corrigível relacionado aos meus sintomas?
     

Dr. Márcio Telesca – Especialista em Cirurgia de Coluna
Dr. Márcio Telesca – Especialista em Cirurgia de Coluna
Dr. Márcio Telesca – Especialista em Cirurgia de Coluna      Se exame de imagem, como uma ressonância magnética, identificar um problema na coluna vertebral que esteja causando a compressão de uma raiz...

     Se exame de imagem, como uma ressonância magnética, identificar um problema na coluna vertebral que esteja causando a compressão de uma raiz nervosa ou da medula espinhal de uma maneira que corresponda aos seus sintomas, você provavelmente é um candidato a cirurgia.
      Por exemplo, se os sintomas parecem ser causados por hérnia de disco, osteófito ou outra estrutura empurrando uma raiz nervosa ou medula espinhal, então, na maioria dos casos, uma cirurgia pode ser realizada para remover o que estiver causando a compressão.
      Os objetivos desses procedimentos são para aliviar os sintomas relacionados com o braço / mão primeiro, seguidos pela dor no pescoço durante alguns meses à medida que a recuperação prossegue.

      Para dor cervical crônica que não pode ser associada à instabilidade da coluna vertebral ou compressão nervosa, os pacientes são geralmente aconselhados a continuar com tratamentos não cirúrgicos, como fisioterapia, medicação quando necessário, massagem, terapia cognitivo- comportamental, terapia térmica e às vezes injeções de esteróides .

Dr. Márcio Telesca – Especialista em Cirurgia de Coluna      Ambas as cirurgias são relativamente seguras e têm altos índices de sucesso, mas também apresentam riscos como qualquer outra cirurgia....

     Ambas as cirurgias são relativamente seguras e têm altos índices de sucesso, mas também apresentam riscos como qualquer outra cirurgia. Correr o risco potencial de algum aumento da dor no pescoço após a cirurgia pode valer a pena se você conseguir recuperar o uso total de um braço, mas provavelmente não valeria a pena se a dor no pescoço fosse sua única reclamação.
      Resumidamente, se os seus sintomas forem debilitantes para suas atividades diárias, trabalho, sono e relacionamento interpessoal com a família e os amigos, talvez seja hora de conversar com seu cirurgião ortopédico.
      Um diagnóstico preciso e um plano de tratamento podem ter um papel importante na obtenção de um resultado significativo.

Veja também

CÃIBRAS NA PRÁTICA DE EXERCÍCIOS: O QUE VOCÊ PRECISA SABER01/05/19 Praticamente todas pessoas, ao começarem uma atividade física de “endurance” ou mesmo em outras modalidades como nosso popular futebol, já apresentaram em algum momento a desagradável sensação de cãibras. É uma contração súbita, involuntária e dolorosa de um músculo ou parte dele, que se autoextingue dentro de......
TUMOR MALIGNO NA COLUNA12/05/19 Condição de extrema gravidade, pois indica progressão da doença, é vista em cerca de 40% dos pacientes com diagnóstico de câncer em algum outro órgão. O esqueleto é o 3º local mais......
LESÕES MUSCULARES14/01/18 O incentivo a um estilo de vida mais ativo é algo que sabidamente diminui riscos de diversas doenças comuns a fase adulta e terceira idade, tais como doenças cardiovasculares, hipertensão, etc. Podendo ocorrer tanto nas......

Voltar para Blog